20 de julho de 2009

A Eclítica e o Zodíaco

Se considerarmos a Terra como algo que estaria no centro do céu, temos a sensação de que o Sol descreve um círculo em torno dela. Porém, na Astronomia, o planeta Terra é inclinado, em sua órbita em torno do Sol, por 23 graus e 27 minutos. Pois bem: a projeção no céu (ou na esfera celeste) do caminho que o Sol percorre é o que se chama Eclítica.

A Eclítica, por sua vez, navega 8 graus para Sul e outros 8 graus para Norte. Isto se dá, porque a Eclítica faz uma intersecção com o equador celeste (a linha imaginária que divide o céu em Norte e Sul). Uma hora, a Eclítica está no hemisfério Norte e outra, no hemisfério Sul da Terra.

Como há estes dois pólos da Eclítica, dizemos que quando o Sol entra no hemisfério Norte ou no Sul, no exato ponto onde os dias seriam exatamente iguais - com a mesma duração - das noites, dizemos que temos os Equinócios; em complemento, quando o Sol está na sua maior altitude (ou declinação) - seja no hemisfério Norte, seja no hemisfério Sul, dizemos que temos os Solstícios.

Se você projetar tais pontos de luz na Terra, você terá as linhas por onde passam o Equador, os trópicos de Câncer e de Capricórnio. Note também a trajetória do Sol. Esta trajetória é a Eclítica.
Quando o Sol passa sobre a linha do Equador, temos os Equinócios (de Março, em 23/03 e de Setembro, em 21/09). Durante um ano inteiro, o Sol percorre aquele espaço, uma hora fazendo o Solstício de Junho (21/06) e o Solstício de Dezembro (21/12). Você pode ver, assim, os Solstícios, os Equinócios, e a “curva” da Eclítica.

O Zodíaco, enfim, representa o conjunto de constelações que giram em torno da Terra. Experimente observar o céu às noites! A figura abaixo dá uma boa mostra do Zodíaco.



Como vê, as Constelações usadas na Astrologia (no Zodíaco) são em número de 12. Observe que o Sol está ao centro, agora. Em seguida, observe que a Terra gira em torno do Sol e note mais:
a) que as constelações giram em torno do Sol e da Terra (apenas para efeito do estudo da Astrologia, lembre-se disto);
b) que as constelações são Áries, Taurus, Gemini, Cancer, Leo, Virgo, Libra, Scorpio, Sagitarius, Capricorn, Aquarius, Pisces.
c) se você olhar atentamente, ainda mais, verá como é a conformação das constelações, com as suas principais estrelas.

Procure olhar, memorizar e, além do mais, tentar reconhecê-las no céu noturno de sua cidade.
Falamos em Astrologia sobre: Sol, Mercúrio, Vênus, Lua, Marte, Júpiter, Saturno, Urano, Netuno e Plutão.

Observe que não citamos a Terra. Isto porque ela é, para todos os efeitos, aquele astro que receberá as influências dos demais. Então, convém sugerir que olhe bem os símbolos e prepare-se para memorizá-los a contento, porque, doravante, quando aparecer um deles em um Mapa Astrológico, poderá lembrar, ou automaticamente saber, de que corpo astral se trata.
Assim, ficamos entendidos que em torno da Terra giram todos aqueles astros e, como não poderia deixar de ser, todas aquelas constelações ZODIACAIS (Áries, Taurus, Gemini, Cancer, Leo, Virgo, Libra, Scorpio, Sagitarius, Capricorn, Aquarius e Pisces).

a) você vê nesta figura:
- os símbolos do Zodíaco (as constelações);
- a eclítica;
- e também você vê 12 casas. Não se esqueça: as constelações (ou seja, Áries, Taurus, Gemini, etc) giram e, na medida em que giram, os signos vão passando pelas casas (de 1 a 12) que são fixas (pois representam pedaços da Terra);
- por fim, você não vê na figura acima: os planetas. Quanto a isto, também iremos estudar em outras lições
b) agora, trace uma linha imaginária horizontal e outra vertical, na figura acima, passando pelo centro;
c) imagine que no canto esquerdo da linha horizontal, está o ASCENDENTE (veja acima a sigla Asc);
d) as outras marcas são: Meio do Céu (MC) que corresponde ao Meio-dia de um dia normal.
Declinação (DC) que corresponde às 6 horas da tarde (ou 18 horas). Fundo do Céu (IC), que corresponde à Meia-Noite. Por fim, o ASCENDENTE, que corresponde às 6 horas da manhã.
e) apenas pense nisto como se fosse um relógio e que, portanto, o Sol descreve, a cada dia, uma trajetória dessas. Por exemplo, se você quiser saber onde está o Sol, em um dia normal - mais ou menos, a olho nu e sem demais cálculos - você pode olhar seu relógio, ver as horas e minutos e pensar que o Sol está naquela posição do relógio - ou do Zodíaco - na hora em que você olhou. Por exemplo- se seu relógio marca 17 horas, então o Sol estará nas imediações das casas 7 e 8; se seu relógio marca 22 horas, então o Sol estará nas imediações das casas 5 e 4 - isto porque o passo do Sol é no sentido horário.

Continuaremos este assunto mais adiante.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por sua atenção!
Visite também nosso grupo: http://br.groups.yahoo.com/group/ponte_oculta.com/
Paz Profunda!

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.